As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Perseverança dos Santos

“Esta doutrina é meu sustento diário: eu me afundaria totalmente sob pavor de sofrimentos iminentes, não estivesse eu firmemente persuadido de que Deus me escolheu em Cristo desde antes da fundação do mundo, e que agora, tendo sido efetivamente chamado, ele não permitirá que ninguém me arrebate de sua mão poderosa.”
George Whitefield

Continuar lendo “As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Perseverança dos Santos”

As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Graça Irresistível

“Em suma, nenhum coração humano é tão obstinado a ponto de ser impossível ao Espírito conquistar e convertê-lo.”
Steven J. Lawson

Também conhecido como “chamado eficaz”, podemos definir este ponto como a ação do Espírito Santo, que convence do pecado, chama, atrai e regenera os pecadores eleitos. Nenhum dos eleitos, daqueles pelos quais, Cristo entregou a vida em sacrifício, deixa de crer. Esta ação do Espírito leva o homem a arrepender-se de seus pecados e a crer, garantindo a conversão do eleito. Continuar lendo “As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Graça Irresistível”

As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Expiação Limitada

“Aqui somos movidos a lembrar-nos de que ele morreu pela igreja. Não devemos perder de vista esta verdade. Ele morreu pela igreja; ele não morreu por ninguém mais.”
Martyn Lloyd-Jones

Estamos então no ápice das Doutrinas da Graça, pois, neste ponto vamos tratar do tão sublime sacrifício de Cristo. Nós, cristãos, devemos sempre nos alegrar neste assunto, pois através do sacrifício gracioso de nosso Senhor, encontramos a libertação da escravidão do pecado, nossa salvação. Mas, então se inicia a discussão: Por quem Cristo morreu? Continuar lendo “As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Expiação Limitada”

As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Eleição Incondicional

“Não importa o que as pessoas falem sobre esse assunto, a eleição ocorre de fato e não há como negá-la. Nenhum cristão pode negar o fato de que nem todos os cristãos professos serão salvos e que os que o são, devem sua salvação inteiramente à graça de Deus e ao chamado do Espírito Santo, e tampouco podem explicar o porquê de alguns serem chamados à salvação, enquanto outros, não.”

J.C. Ryle

Este é o segundo ponto das doutrinas da Graça. Aqui encontramos a esperança para o homem totalmente caído e morto em seu pecado: a eleição incondicional. Vou dedicar esta primeira parte para responder as seguintes questões: “O que é a doutrina da eleição incondicional?” e, “Quais são as razões bíblicas para crermos na doutrina da eleição?”. Continuar lendo “As Maravilhosas Doutrinas da Graça: Eleição Incondicional”